João Barbosa Martins, 6º ano O mundo, tal qual o conhecemos, tem vindo a mutar e, se parar é morrer, certamente que a mudança se sobrepõe ao finamento, perdurando para as futuras gerações, disfrutando e imortalizando das melhores conexões neuronais... Continue Reading →